Programação

leilao-e1417888098876.jpg

Caminhos ajudam a desenvolver e despertar consciências.

O festival Caminhos do Cinema Português tem vindo a merecer a atenção e o apoio crescentes de variadas instituições regionais e nacionais, com um conjunto de iniciativas e actividades de relevância inegável, para a aproximação da sociedade portuguesa ao nosso cinema, estimulando a sua atenção e curiosidade, indo de encontro ao papel social, que acreditamos, que o festival Caminhos tem vindo a desenvolver e despertando consciências.

saber mais

Fotos-João-Sá-e-Sousa-24-e1417866987790.jpg

20 Anos a mostrar todo o Cinema Português

Após a sua XX edição o festival Caminhos continua a promover a cinematografia nacional.  Durante o mês de dezembro promove o ciclo “20 Anos de Cinema Português”, com entrada livre, onde são exibidos alguns filmes mais marcantes de cada uma das suas edições. O festival propõe a todos os espectadores e cinéfilos uma experiência vasta de conhecimento das mais variadas obras portuguesas conseguindo proporcionar uma introspectiva do que é, o que foi e o que será o cinema português.

saber mais

vitor-discurso-encerramento.jpg

Discurso de Encerramento

A semana que se iniciou a 14 de Novembro tem sido muito especial. Apesar de ter coincidido com uma sexta-feira, a semana dos Caminhos é uma temporada fora do tempo comum. É-o para mim, para todos os elementos da organização e colaboradores, realizadores e actores, artistas em geral, e cinéfilos.
O sentimento que sobresai de toda esta semana, deverá ser gratidão. Gratidão por toda esta colaboração intensa de todos os envolvidos, sem esquecer os nossos patrocinadores que foram fundamentais para manter viva a chama do festival. A nossa equipa é composta primordialmente por voluntários, cujo principal retorno que têm é ver cumprida a sua tarefa de salvaguarda cultural deste projecto.

saber mais

15859523062_b9c0259f7b_k.jpg

Jorge Pelicano foi o grande vencedor da noite

Sábado, 22, foi o último dia da XX edição do Festival Caminhos do Cinema Português, que culminou com a Cerimónia de Entrega de Prémios, no TAGV, em Coimbra. A Gala de Encerramento contou com a presença em palco de Soraia Chaves e Vicente Alves do Ó, representantes do Júri da Selecção Caminhos. Jorge Pelicano, realizador de “Pára-me de Repente o Pensamento”, foi três vezes galardoado durante o serão.

saber mais

MG_6283-e1416397632685.jpg

Crónicas de Programação – VI

Ver cinema poderá ser catarse, seja esta pelo riso, pelo choro ou mesmo pelo medo. São esses sentimentos criados dentro do espectador, aquando da exibição de um filme, que o fazem esquecer ou cristalizar na sua memória certas obras.

saber mais

unnamed.jpg

Crónicas de Programação – V

Consideramos o Cinema Português uma obra elaborada por várias mãos. É interessante reparar no fenómeno de novos realizadores que brotam anualmente, com interessantes produções que merecem ser mostradas. Não é por acaso que surgiu a categoria ‘Selecção Novíssimos’ que tem no seu cerne a ideologia de mostrar primeiras obras, cuja inspiração é variada.

saber mais

15347720538_72a783d0f9_z.jpg

Crónicas da Programação – IV

A capacidade de documentar vai para além do captar o óbvio. São vários os artistas que documentam o seu próprio país e o mundo que os rodeia, sob uma perspectiva de mostrar aquilo que ainda não foi visto. Partilhar aquilo que a massa desconhece.

saber mais

15347849847_e9c3516cd1_k-e1416151246120.jpg

Crónicas da Programação – III

O mundo onírico servirá sempre de inspiração aos nossos artistas, não é por acaso que se despertou automaticamente a temática ‘Sonhar e Ficcionar em Português’, em que o mundo dos sonhos e da ficção criada entram em completa harmonia. O mundo ideal pode, assim, ser sonhado e ficcionado em cinema.

saber mais

MG_5392-e1416077849643.jpg

Crónicas da Programação – II

Começamos o segundo dia do festival com a abertura da temática ‘Preconceito e Cegueira Moral’, que tem como objectivo alertar a nossa audiência para ideias pré-concebidas que detenham, mostrando-lhe realidades que por vezes são desconhecidas.

saber mais

vitor-abertura-e1417198928424.jpg

Discurso de Abertura

Dois anos passaram desde a nossa última edição dos Caminhos. Este hiato foi pautado por uma maior consciencialização da nossa parte do estado das coisas do mundo cultural. Os Caminhos têm-se feito caminhando, com diversos passos de variados dinamizadores culturais e artistas em geral, que nos auxiliaram nesta tarefa de exibir cinema português.

saber mais

20121115_-_CCP_XX-Pré-Produção__1_de_1.jpg

Crónicas da Programação – I

Começamos o nosso caminho com uma viagem pelo planeta sem sair da cidade de Coimbra, através de uma visita intimista ao Jardim do Botânico, na curta documental ‘O Inverno no Jardim’ de Ricardo Espírito Santo. Na mesma sessão das 17h30, passamos do espaço para a memória, com ‘E Agora? Lembra-me’ de Joaquim Pinto, sendo um tributo àqueles que existem e existiram.

saber mais

15544177225_13226604f1_h-e1414783543482.jpg

Bilhetes Selecção Caminhos

Os bilhetes para a Selecção Caminhos já se encontram disponíveis na Bilheteira do Teatro Académico de Gil Vicente (TAGV). Venha conhecer o melhor de toda a produção cinematográfica nacional de 14 a 22 de Novembro.
São mais de trinta e cinco horas de Cinema Português, 4 Master sessions, contacto in loco com jurados, realizadores, actores e outros intervenientes de “Todo o Cinema Português”, são algumas das razões para não perder os Caminhos do Cinema Português.

A bilheteira do TAGV está aberta das 17 horas até às 22 horas. Informações sobre o funcionamento do espaço poderão ser obtidas pelo telefone 239 855 630.

saber mais

14923678943_9c62be834b_b.jpg

Programação Selecção Caminhos

Ver cinema na XX Edição do festival Caminhos do Cinema Português é percorrer, assim, um caminho caminhado por muitos. Para facilitar tal percurso na programação selecção caminhos, apostou-se numa esquematização temática não estanque dos filmes selecionados.Conheça detalhadamente a programação que lhe dedicamos com Todo o Cinema Português.

saber mais

emblema_seleccao_caminhos_branco-e1413675286946.png

Selecção Caminhos

Programar cinema implica abandonar convenções egoísticas de gostos ou paixões pessoais, principalmente quando se trata de um festival intitulado ‘Caminhos do Cinema Português’, cujo mote é ‘todo o cinema português’. Levantar curiosidade ao público, transformando-o em audiência foi o nosso objectivo, pois temos consciência do nosso contributo em incrementar esse mesmo auditório nacional. Para tal, tivemos que ter todo o apoio incondicional de artistas e dinamizadores culturais que de forma franca e acessível nos esticaram a mão nesta XX edição.

saber mais

emblema_seleccao_ensaios_branco-e1413675691298.png

Selecção Ensaios

A Selecção Ensaios foi programada de acordo com o espírito do Festival. Quis-se oferecer o que de melhor, original e relevante se faz no panorama cinematográfico universitário português, sem imposições estéticas ou limites de género. Enfim, Todo o Cinema Português.

saber mais