Programação

JUNIORES_posts-EVENTO-1920x1007-e1635690928277.jpg

Juniores

A aproximação a um público mais jovem é essencial para o cinema português, pelo que pretendemos, desta forma, dar a conhecer os Caminhos Juniores, que reúnem diversas sessões de cinema pensadas para os diferentes níveis de ensino, respeitando o crescimento individual e intelectual de cada criança e/ou jovem, e proporcionando-lhe uma experiência cinematográfica que vá ao encontro das suas expectativas, mas que seja, ao mesmo tempo, desafiante.

saber mais

LUSOFONIA_posts-EVENTO-1920x1007-e1635690971907.jpg

Filmes da Lusofonia

O Festival Caminhos do Cinema Português abriga numa das suas mostras uma seleção dedicada ao cinema produzida pela comunidade lusófona.

Num ano marcado pelas inúmeras dificuldades decorrentes da pandemia, que atingiu o sector cultural com imensa força, encontram-se entre as selecionadas, produções, cuja riqueza e variedade, enaltecem a cultura dos países de língua portuguesa, trazendo à luz, sejam personagens de histórica importância ou gente simples, do povo, documentários com poder de denúncia ou ficções, histórias originais, histórias adaptadas de autores consagrados, animações, um festim não só para os assumidamente cinéfilos, senão que também um convite ao conhecimento do movimento cinematográfico que existe na comunidade que partilha a maior das identidades: a língua portuguesa como espaço simbólico de identificação nos processos socioculturais e históricos abordados nas películas.

saber mais

OUTROS-OLHARES_EVENTO-1920x1007-e1635690994490.jpg

Outros Olhares

Primeiro foi o “novo normal”, e agora é o “regresso à normalidade”. E ainda nem tivemos o tempo necessário e imprescindível para assimilar a inerente estranheza destas expressões tão curiosas que repentinamente vieram assaltar o nosso quotidiano. Teremos estado assim tão inundados pela constante torrente de “notícias”, “opiniões” e variadas outras reações oferecidas pelos novos meios, aos quais temos a desfaçatez de encarar enquanto “comunicação”, para não nos termos apercebido do comodismo com que medimos toda e qualquer realidade, por mais espantosa que seja, através do confortável conceito de “normal”? E se sim, como observar de facto essa normalidade a que estamos a regressar?

saber mais

EXPOSIÇÕES_posts-03-1920x1007.jpg

Cinemateum

Cinemateum é a exposição fotográfica sobre os cinemas tradicionais de Coimbra – os que existem e os que deixaram de existir. A exposição resulta de uma pesquisa realizada tanto nos arquivos da região, como de conversas com quem frequentaram e registaram momentos Cinematográficos da época.

saber mais

SELECAO-CAMINHOS_EVENTO-1920x1007-e1635691013528.jpg

Quem são os “todos” para quem programamos?

Poucas serão as biografias que não apresentem períodos de nigredo ou de estágios de inacção. Habitualmente esses momentos – apesar normalmente enfrentados da pior das maneiras – têm em si a “possibilidade semente”, a capacidade de regeneração e reinvenção, em suma a oportunidade de iluminar a “noite escura da alma”.

Estes últimos tempos representaram toda uma negritude com um elemento adicional (e novo para o mundo ocidental contemporâneo): a partilha desse momento. Como colectivo humano, ouvimos em uníssono a voz do silêncio de uma pandemia que nos forçou a isolar e a mudar hábitos. Fez com que abandonássemos, entre outros, hábitos de consumo cultural e social, chegando ao cúmulo de uma quase total substituição de um curador de cinema por um algoritmo de uma qualquer plataforma online.

Na passada edição, no auge de uma pandemia com limitações variadas e transversais a todos os comportamentos humanos, tentámos que esses momentos escuros de isolamento fossem “compensados” por momentos de individualidade partilhada dentro de uma sala de cinema. Apesar disso, sejamos justos, percebemos que o próprio significado de festival (no sentido mais literal de festividade) não foi totalmente cumprido e deixado em pausa.

saber mais

CCC-capa-Outubro-1813x1208.jpg

Outubro na Casa do Cinema

Entrando no seu sexto mês de funcionamento, a Casa do Cinema de Coimbra tem progressivamente apresentado um leque maior de propostas cinematográficas. Neste mês de Outubro trazemos 33 sessões que, no conjunto da curadoria do Festival Caminhos Cinema Português, Centro de Estudos Cinematográficos, Fila K Cineclube e Nitrato Filmes, conjugam o cinema patrimonial com diferentes correntes autorais contemporâneas.

Nesse sentido são promovidos 3 novos ciclos: a “3.ª Mostra Programa!Ação”; “Educar para o Desenvolvimento Sustentável”; e, “Nova Geração de Realizadoras Brasileiras”, enquanto continuamos a promover a exibição do importante documentário de Mark Cousins “As Mulheres Fazem Cinema!”, bem como a Matiné Infantil, agora em dose dupla, no 3.º sábado de cada mês. Como novidades neste mês anunciamos ainda a Extensão Universitária do Festival Cinanima e ainda a exibição em estreia nacional de “Dune”, de Denis Villeneuve.

A Casa do Cinema de Coimbra, desde maio até ao final do mês de Setembro, já promoveu mais de sessenta sessões de cinema, tendo passado pela nossa sala dois mil espectadores. Com o arranque de um novo ano lectivo acreditamos que o reflexo da projeção na tela revelará muitas caras novas.

saber mais

CCC-capa-ProgramaAcao3.png

Programa!Ação – 3.ª Mostra propõe uma viagem pelo Património Cinematográfico Português

Iniciada em 2019, a mostra Programa!ação proporciona aos espectadores visionamentos comparatistas na obra de realizadores portugueses. Considerando o esforço de digitalização do património cinematográfico e as raras oportunidades para ver de forma digna alguns marcos do cinema português, a mostra mudou o seu foco para recuperar a obra de autores marcantes do cinema português, bem como proporcionar novas abordagens e contextos aos primeiros filmes portugueses através da intervenção musical. 

saber mais

CCC-2021-SETEMBRO-OUTUBTO-Geral-bannerwp-1208x792.jpg

Setembro na Casa do Cinema

O mês de Setembro tradicionalmente é um mês de retoma da actividade, trazendo consigo várias novidades. Na Casa do Cinema de Coimbra não é diferente. Depois de no quente mês de Agosto termos revisitado alguns dos clássicos do cinema de horror, apresentamos em Setembro um mês pleno de diversidade e ofertas cinematográficas entre a exibição, com um novo inquilino na Casa: a Nitrato Filmes e a realização do 1.º Ciclo “Cinema Fora de Portas”, até à formação conhecendo “As Mulheres fazem Cinema!” de Mark Cousins e o curso de verão “Montagem e Autoria” orientado por Miguel Mira, com palestras de Afonso Cruz, José Filipe Costa e Jerónimo Rocha. As novidades continuam com os cine-concertos que abrem caminho para a 3.ª mostra Programa!Ação.

Assim, iremos promover durante o mês de setembro sessões de terça a sábado sempre às 21h30. Bilhetes a partir de 3€, com condições privilegiadas para os nossos associados.

saber mais