178109_514072801950690_1493313297_o-e1599153021523.jpg

Tânia Duarte, In Memoriam

Tânia Duarte, realizadora e animadora de cinema de animação, deixou-nos esta semana. Uma presença assídua nos festivais de cinema nacionais, além dos seus filmes destacou-se pelo intenso papel de formação de públicos, tanto no infanto-juvenil, como de novos cineastas. Recordamos, com alegria, a presença regular no nosso festival e a recepção que os seus filmes tiveram junto dos nossos espectadores.

Em 2012 tivemos a honra de contar com a sua colaboração como jurada e assim ficar incontornavelmente associada ao arranque da nossa segunda secção competitiva, a Seleção Ensaios. Da ficção que co-premiou, mas sobretudo no cinema de animação Tânia Duarte prestou um enorme serviço público na formação de públicos preparando-os para a sensibilidade estética de dar a ver e ouvir, as suas próprias histórias.

Esse entusiasmo é reverberado nas histórias de miúdos, inspirando-nos a olhar com maior profundidade para o cinema de animação produzido no contexto de formação. Essa foi uma das motivações que nos levou, nesta XXVI edição, a introduzir o Prémio Melhor Ensaio de Animação Nacional. É mais um passo para que os Caminhos dão em direção a um espaço pluralizador do cinema português. O legado de Tânia Duarte destaca-a como uma das figuras mais importantes do cinema de animação nacional.

Os Caminhos do Cinema Português vêm por este meio expressar o seu mais profundo pesar à família e amigos de Tânia Duarte.

saber mais

cfm-26-Asset-3@2x-1.png

Contingência e Produção

Um festival de Cinema opera na dupla condição de satisfazer a exigência dos espectadores e proporcionar janelas de exibição competitivas e dignificantes à filmografia seleccionada. Não podemos apresentar outros caminhos para a próxima edição do festival que não promovam o contacto estreito, mas seguro, do público com os criadores, nem tão pouco critérios de admissão que não compreendam as novas dinâmicas de distribuição do cinema e audiovisual. A pandemia veio impor as potencialidades digitais sob os nossos hábitos sociais, remediando-os, sem contudo conseguir substituir a aura das experiências in loco. 

saber mais

cfm-26-Asset-2@2x-e1598280786417.png

2.º Call for Movies

Os Caminhos do Cinema Português preparam a sua 26.ª edição, procurando reunir a melhor cinematografia contemporânea nacional. Num ano atípico, tentamos olhar tanto aos direitos dos espectadores como às oportunidades e contingências que assolam os produtores e criadores.

Olhando às premissas actuais em que vivemos a organização anuncia que na actual edição o ponto 4.3 do regulamento do festival será ignorado, sendo admitidos todos os filmes concluídos desde 31 de Julho de 2019, mesmo tendo sido exibidos em televisão ou publicados, por vontade do autor ou produtor, em sítios da internet, serviços de streaming (ex: Netflix, NOS Play, Videoclube Meo), ou editados em DVD ou BluRay. Olhando às novas condições de admissão o prazo de inscrição de filmes é prorrogado até 15 de Setembro de 2020.

Realçamos a promoção de um novo prémio na Selecção Ensaios para a melhor Animação Nacional reconhecendo a evolução que este género tem alcançado nos diversos centros de formação tanto universitários como em programas dinamizados por cineclubes, museus e outras entidades do setor junto da população juvenil.


+ info

saber mais

cfm-26-Asset-4@2x-e1598280958757.png

(new) Call for entries

Caminhos do Cinema Português is preparing its 26th edition, seeking to bring together the best contemporary national cinematography. In an atypical year, we try to look at both the rights of the spectators and the opportunities and contingencies that plague producers and creators.

Looking at the current premises in which we live due the Covid19 pandemic, the organization announces that in the current edition point 4.3 of the festival regulation will be ignored, being admitted all films completed since 31 July 2019, even if they were shown on television or published, by will of the author or producer, on websites, streaming services (eg: Netflix, NOS Play, Meo VideoClub), or edited on DVD or BluRay. In line with those the new conditions for admission, the call for entries deadline is extended to 15 September 2020.


+ info

saber mais

Call-for-movies-26-v2-01.png

Inscrições abertas ⭐︎ 26.ª edição

Encontram-se abertas as inscrições para a 26.ª Edição do Festival Caminhos do Cinema Português. Entre os dias 1 de Janeiro e 31 de Julho poderão ser submetidas via FilmFreeway as obras para a Selecção Caminhos, Selecção Ensaios e Outros Olhares. Até 31 de Maio todas as inscrições de filmes nacionais serão gratuitas.

Na sua 26.ª edição há uma aposta do festival em reconhecer a importância do cinema de animação como um traço importante da qualidade da cinematografia nacional. Essa aposta é projectada pela introdução do Prémio Melhor Ensaio de Animação. Confira todos os detalhes no regulamento do festival.

saber mais

Call-for-movies-26-v2-01.png

Call for Movies is open

Registrations are now open for the 26th Edition of the Caminhos do Cinema Português Festival. Between the 1st of January and the 31st of July, the works for the Caminhos Selection, Essays Selection and Other Looks may be submitted via FilmFreeway. Until May 31, all national film registrations will be free.

In its 26th edition, the festival is committed to recognizing the importance of animation cinema as an important feature of the quality of national cinematography. This bet is projected by the introduction of the Best Animation Essay Award. Check all the details in the festival regulations.

saber mais

imag_site_caminhos_torres_novas.jpg

Caminhos do Cinema Português em Torres Novas

A descentralização do acesso à cultura e o estímulo de novos hábitos de consumo da cultura cinematográfica nacional, são alguns dos pilares do festival Caminhos do Cinema Português. Nesse sentido, em conjunto com o Município e o Cineclube de Torres Novas, os Caminhos do Cinema Português passarão por esta cidade ribatejana no próximo fim‑de‑semana.

saber mais

HES-destaque.jpg

Até Sempre, Henrique

O Cinema Português está de luto. Henrique Espírito Santo, produtor, cineclubista, activista e formador de várias gerações intervenientes na construção do Cinema Português faleceu.

A sua generosidade marcou-nos e inspirou-nos. O privilégio do seu convívio marcou várias edições do festival participando com a sua filmografia, partilhando a sua experiência, dando-nos a ver como foi feito o caminho para se fazer o (novo) cinema português. Também por cá ajudou a formar novos intervenientes do nosso cinema.

É um marco que se perde. Foi um prazer termos tido o privilégio de privar com tamanho vulto! Resta-nos dizer: Obrigado, Henrique.

Os Caminhos do Cinema Português expressam as suas mais sentidas condolências à família e amigos de Henrique Espírito Santo.

Até sempre!

saber mais