Soraia Chaves

Soraia Chaves Actriz e Modelo

Soraia Chaves nasceu em Besteiros, concelho de Paredes, a 22 de Junho de 1982. Depois de ter ganho o concurso Elite Model Look Portugal aos 15 anos, em 1997, Soraia foi modelo durante 8 anos. A sua estreia no cinema e nas luzes da ribalta deu-se com o seu papel da protagonista Amélia no filme O Crime do Padre Amaro. A sua interpretação no filme, que foi um sucesso em Portugal, deu-lhe fama imediata e virou as atenções nacionais para a ex-modelo.

Soraia venceu o Globo de Ouro de melhor actriz em 2007, pelo seu desempenho em “Call Girl” , o primeiro de dois filmes que fez com António-Pedro Vasconcelos (seguido por A Bela e o Paparazzo em 2010, para o qual pintou o cabelo de loiro.)

Após 2007, Soraia continuou a sua carreira de atriz no cinema e na televisão portugueses, embora tenha vivido em Madrid durante 3 anos para estudar representação . Chegou a participar na mini-série Barcelona, Cidade Neutral, uma produção espanhola.

A atriz foi ao Festival de Veneza 2012 promover a co-produção portugesa e francesa “Linhas de Wellington” , filme em que Raúl Ruíz trabalhava quando morreu, e que foi completado pela sua viúva Valeria Sarmento.

Em 2012, depois de ter recusado várias ofertas, aceitou participar na novela Dancin’ Days, resultado da parceria SIC/TV Globo e um remake de uma novela da Globo dos anos 70. Dancin’ Days esteve no ar entre junho de 2012 e setembro de 2013 e foi um grande sucesso de audiências.

Após a conclusão da novela, Soraia fez uma pausa, voltando ao trabalho em 2014, com o filme “Vermelho Russo”, um filme brasileiro filmado na Rússia.

Premium WordPress Themes Download
Download WordPress Themes Free
Download Nulled WordPress Themes
Free Download WordPress Themes
lynda course free download
download micromax firmware
Free Download WordPress Themes