Realização

c/ Paulo Castilho

 

Resumo da formação

Desde o seu aparecimento em 1896 que a “sétima arte” é considerada a mais complexa forma de expressão artística. Visual, sonora, memorável, inspiradora, modificadora de indivíduos e gerações.
Uma linguagem tão impactante na sociedade contemporânea, que é adoptada pela maior parte dos meios de comunicação e expressão visual, desde a televisão, publicidade, mercado de videojogos, influenciado mesmo até a literatura, a música, a pintura, a dança, a escultura, a arquitetura.
Uma arte que incorpora e usa, técnicas e formas de expressão “aprendidas” noutras artes, na criação, no planeamento, na execução, na “relação com o público”, na linguagem e na materialização de uma infinidade de emoções.
E se durante anos, fazer filmes era uma arte acessível apenas a alguns… Hoje, com a quantidade de meios técnicos disponíveis, é possível produzir mesmo com menos recursos, trabalhos tão interessantes que chegam às salas de cinema.
Mas fazer cinema, a arte ou a ciência de fazer filmes, exige na verdade uma série de conhecimentos e competências, técnicas e artísticas, assim como metodologias de observação, análise e criação.
Neste módulo serão abordadas as competências necessárias para a coordenação criativa e técnica de toda a equipa de filmagens (imagem e som), impondo uma unidade estética e uma organização funcional às contribuições de todos os que colaboram na produção do filme. Neste módulo tratar-se-ão os conhecimentos e competências necessárias a essa coordenação, assim como à coerência artística de todos os materiais que resultarão da rodagem, abrangendo áreas que irão, do ponto de vista organizativo, desde a planificação das filmagens à organização do dia de rodagem e dos meios e colaboradores necessários à mesma no plateau.

Data

2019/04/13 > 2019/04/17
9:30 ~ 18:30

Local

Departamento de Engenharia Informática da Universidade de Coimbra
Faculdade de Ciências e Tecnologia
Universidade de Coimbra

Pólo II – Pinhal de Marrocos
3030-290 Coimbra

Condições de Frequência
Condição Preço
Público 300 €
Sócios 240 €
Estudantes 175 €
Sócios Estudantes 140 €

Inscrição
– Inscrições limitadas a 25 formandos.

Objectivos
Dotar os formandos de conhecimentos teóricos e práticos essenciais para a realização de um filme de baixo orçamento usando como caso prático a produção definida nos módulos anteriores.
Cada formando deverá realizar uma parte de uma curta-metragem e dirigir atores. Além da realização, irá experimentar as diversas tarefas de uma equipa de rodagem (som, anotação, câmara, etc.).
Plano de Sessão
– A linguagem e Estética Cinematográfica. A Direção de Fotografia, Arte, Musica e Som – Opções e Escolhas.
– Os planos e enquadramentos. Composição e Opções Narrativas.
– Estrutura Humana e Técnica de uma produção cinematográfica.
– O guião e a sua estrutura. Script BreackDown.
– As funções e competências do realizador.
– Exercícios práticos de Direção de Atores.
– Exercícios práticos de Realização.
– Visualização e discussão das imagens produzidas.
Paulo Castilho

Paulo Castilho

Paulo Castilho estudou Técnicas de Comunicação Audiovisual no Instituto Politécnico do Porto.No currículo conta com uma especialização Iluminação na RTP (Rádio e Televisão de Portugal) e um curso intensivo em Direcção de Fotografia no âmbito do Festival de Cinema de Berlim. Já trabalhou ao lado de nomes de grande revalância no panorama mundial como António Ferreira, Manoel de Oliveira, Aki Kaurismaki, Victor Erice, Edgar Pêra ou Peter  Greenaway.