Notícias

20150330_-_Cinemalogia-Rodagem-Nunca-é-Tarde__408_de_600-1280x720.jpg

Curso de Cinema

Para além do Festival, que ocorre entre 6 e 20 de Novembro, na Casa do Cinema de Coimbra e no TAGV, os Caminhos do Cinema Português em parceria com a Universidade Aberta (UAb), desde 2011 promovem o curso Cinemalogia, voltado para o estudo das fases necessárias à conceção de um filme.

saber mais

126923913_3743595559018776_404629943043756235_n-copy.png

Mensagem da Direção

Ao longo dos anos, temos salientado que é essencial a descentralização cultural, que é igualmente necessário criar as condições de fruição e acesso cultural em todo o território, promovendo iniciativas que não se cingem à cidade de Coimbra, à Região Centro, e que passam por levar o cinema português mais além. Consideramos igualmente que a programação de cinema português deve estar acessível ao longo do ano, disponibilizada aos diferentes públicos que anualmente nos acompanham por ocasião dos Caminhos do Cinema Português, uma oportunidade de o ter sempre junto a si. Este ano, através do projeto Casa do Cinema de Coimbra, iniciamos uma nova forma de estar presente na cidade, com programação regular, ressuscitando um espaço e abrindo-o de novo à fruição cultural, e à sua vocação original que é o cinema.

saber mais

OUTROS-OLHARES_EVENTO-1920x1007-e1635690994490.jpg

Outros Olhares

Primeiro foi o “novo normal”, e agora é o “regresso à normalidade”. E ainda nem tivemos o tempo necessário e imprescindível para assimilar a inerente estranheza destas expressões tão curiosas que repentinamente vieram assaltar o nosso quotidiano. Teremos estado assim tão inundados pela constante torrente de “notícias”, “opiniões” e variadas outras reações oferecidas pelos novos meios, aos quais temos a desfaçatez de encarar enquanto “comunicação”, para não nos termos apercebido do comodismo com que medimos toda e qualquer realidade, por mais espantosa que seja, através do confortável conceito de “normal”? E se sim, como observar de facto essa normalidade a que estamos a regressar?

saber mais

SELECAO-CAMINHOS_EVENTO-1920x1007-e1635691013528.jpg

Quem são os “todos” para quem programamos?

Poucas serão as biografias que não apresentem períodos de nigredo ou de estágios de inacção. Habitualmente esses momentos – apesar normalmente enfrentados da pior das maneiras – têm em si a “possibilidade semente”, a capacidade de regeneração e reinvenção, em suma a oportunidade de iluminar a “noite escura da alma”.

Estes últimos tempos representaram toda uma negritude com um elemento adicional (e novo para o mundo ocidental contemporâneo): a partilha desse momento. Como colectivo humano, ouvimos em uníssono a voz do silêncio de uma pandemia que nos forçou a isolar e a mudar hábitos. Fez com que abandonássemos, entre outros, hábitos de consumo cultural e social, chegando ao cúmulo de uma quase total substituição de um curador de cinema por um algoritmo de uma qualquer plataforma online.

Na passada edição, no auge de uma pandemia com limitações variadas e transversais a todos os comportamentos humanos, tentámos que esses momentos escuros de isolamento fossem “compensados” por momentos de individualidade partilhada dentro de uma sala de cinema. Apesar disso, sejamos justos, percebemos que o próprio significado de festival (no sentido mais literal de festividade) não foi totalmente cumprido e deixado em pausa.

saber mais

CCC-capa-ProgramaAcao3.png

Programa!Ação – 3.ª Mostra propõe uma viagem pelo Património Cinematográfico Português

Iniciada em 2019, a mostra Programa!ação proporciona aos espectadores visionamentos comparatistas na obra de realizadores portugueses. Considerando o esforço de digitalização do património cinematográfico e as raras oportunidades para ver de forma digna alguns marcos do cinema português, a mostra mudou o seu foco para recuperar a obra de autores marcantes do cinema português, bem como proporcionar novas abordagens e contextos aos primeiros filmes portugueses através da intervenção musical. 

saber mais

CCC-2021-SETEMBRO-OUTUBTO-Geral-bannerwp-1208x792.jpg

Setembro na Casa do Cinema

O mês de Setembro tradicionalmente é um mês de retoma da actividade, trazendo consigo várias novidades. Na Casa do Cinema de Coimbra não é diferente. Depois de no quente mês de Agosto termos revisitado alguns dos clássicos do cinema de horror, apresentamos em Setembro um mês pleno de diversidade e ofertas cinematográficas entre a exibição, com um novo inquilino na Casa: a Nitrato Filmes e a realização do 1.º Ciclo “Cinema Fora de Portas”, até à formação conhecendo “As Mulheres fazem Cinema!” de Mark Cousins e o curso de verão “Montagem e Autoria” orientado por Miguel Mira, com palestras de Afonso Cruz, José Filipe Costa e Jerónimo Rocha. As novidades continuam com os cine-concertos que abrem caminho para a 3.ª mostra Programa!Ação.

Assim, iremos promover durante o mês de setembro sessões de terça a sábado sempre às 21h30. Bilhetes a partir de 3€, com condições privilegiadas para os nossos associados.

saber mais

CARTAZ-cfp-geral-1-1920x1283.jpg

cinema fora de portas

Iniciado a 19 de Agosto com um evento piloto, o Ciclo “Cinema Fora de Portas” percorrerá várias praças da região de Coimbra levando a arte cinematográfica ao encontro dos públicos. Serão projectadas 5 longas-metragens nacionais e internacionais, culminando em dois cine-concertos que revisitam o cinema de património nacional. 

As exibições de cinema ao ar livre têm entrada gratuita, mediante reserva no nosso site. Os bilhetes Cine-Concertos têm um custo de 10€, sendo reduzido a 5€ no caso dos sócios das entidades promotoras na Casa do Cinema de Coimbra, entidades parceiras, estudantes, desempregados, cineclubistas, seniores, grupos ≥ 10, profissionais do espetáculo. 

saber mais