Centro de Estudos Cinematográficos / AAC

NIF 500 032 173
Telf. – 239 851 069
[email protected]
www.cecine.com

O Centro de Estudos Cinematográficos da Associação Académica de Coimbra tornou-se independente da Direcção Geral da Associação Académica de Coimbra em1958 como resultado de uma “orientação geral de alargamento e consolidação das actividades culturais”. Constitui-se, assim, aquela que é hoje a mais antiga secção cultural.

O Centro de Estudos Cinematográficos da Associação Académica de Coimbra

iniciou a sua actividade com um Ciclo Universitário de Cinema e teve, ao longo dos anos, como objectivos proporcionar e incentivar uma abordagem dos estudantes ao mundo cinematográfico. A importância do Centro na formação cinematográfica estudantil e a sua consequente repercussão no próprio cinema nacional são, hoje, corroboradas por algumas figuras de relevo na produção fílmica nacional e que foram membros desta secção. De referir, entre outros, António Pedro Vasconcelos, João Mário Grilo, Alfredo Tropa e Luís de Pina.

Até 1983 realizou seis edições do Festival Internacional do Filme Amador de Coimbra, altura em que foi interrompido por razões financeiras, e por pressões da Federação Portuguesa de Cinema e Audiovisuais, resultado da então difícil conjuntura nacional. Em 1988 realizou-se pela primeira vez a Mostra de Cinema Português, criada a partir do curso de Caminhos do Cinema Português da Faculdade de Letras da Universidade de Coimbra e com o objectivo de ser complementar ao curso. Esta mostra refundou-se em 1997, passando desde então a ser um Festival.

O Centro de Estudos Cinematográficos procura promover a sétima arte tanto na Associação Académica de Coimbra como na cidade de Coimbra. A divulgação e estudo dos clássicos, bem como de autores e filmografias marginais são algumas das actividades a que se dedica.