Dinarte Branco

Dinarte Branco

Frequentou o Curso de Formação de Actores da ESTC. Participou como actor em espectáculos encenados por Luís Miguel Cintra, Jorge Silva Melo, Joaquim Benite, Ana Nave, Sandra Faleiro, Nicolau dos Mares, Francisco Salgado, Pedro Carraca, Ricardo Aibéo, Miguel Seabra, Tiago Rodrigues, Christine Laurent, Carlos J.Pessoa, Marco Martins, Adriano Luz, Solveig Noderlund, Pedro Marques, Nuno M Cardoso e Beatriz Batarda. Participou no espectáculo “Point Blank”, da companhia belga STAN.

Na SubUrbe, juntamente com Cláudia Gaiolas e Tiago Rodrigues, foi actor nas criações colectivas “Zapatistas am/pm”, “A gente vê-se lá fora” e “True West”. Direcção artística de “César” a partir de Júlio César de Shaskepeare. Dirigiu Ricardo Araújo Pereira em “Como fazer coisas com palavras”. Encenação de “82 oãhivaP” a partir do universo de David Lynch. Encenação de “Em casa no Jardim Zoológico” de Edward Albee. Encenação juntamente com Nuno Costa Santos de “É Preciso Ir Ver – Uma Viagem com Jacques Brel”.

Co-dirigiu com Tiago Nogueira “O Escurial”. Encenação de I Don’t Belong Here, espectáculo sobre a questão da deportação. Trabalha regularmente como actor em séries televisivas. No cinema trabalhou com Sandro Aguilar, Jeanne Waltz, Pedro Caldas, Carlos Braga, Margarida Cardoso, Mario Barroso, João Figueiras, João Botelho, João Nuno Pinto, Raul Ruiz, Artur Serra Araújo e Miguel Gomes.

Realizou a curta-metragem “Ponta dos Rosais”.

Download Premium WordPress Themes Free
Download WordPress Themes
Free Download WordPress Themes
Premium WordPress Themes Download
download udemy paid course for free
download redmi firmware
Free Download WordPress Themes