12311410_10207759355120310_1975397087_o-620x400.jpg

Extensão XXI Caminhos Film Festival em Torres Novas


15-01

Decorre hoje em Torres Novas mais uma extensão do XXI Caminhos Film Festival. São duas sessões, às 14h30 e 21h30, que prosseguem a missão de levar o cinema português ao maior número de públicos possível. Durante o dia são exibidos alguns dos melhores filmes da edição mais recente do festival, incluindo alguns dos vencedores de prémios durante o certame.

Às 14h30, numa sessão especialmente vocacionada para as escolas são exibidos os filmes Lei da Gravidade, de Tiago Rosa – Rosso; Arcana, de Jerónimo Rocha, Lingo, de Vicente Niro e Capitão Falcão, de João Leitão.

O festival Caminhos do Cinema Português trabalha no sentido de divulgar a cultura portuguesa e o cinema nacional e, nesse sentido, a sessão das 21h30 é de entrada livre. São exibidos os filmes A Última Árvore Analógica, de Jorge Pelicano;  Bom Dia Alegria!, de  João Lourenço; Deus Providenciará, de Luís Porto e João Bérnard da Costa – Outros Amarão as Coisas que eu Amei, de Manuel Mozos.

Lingo, de Vicente Niro, recebeu a distinção de Melhor Ensaio Nacional na secção competitiva dedicada a obras produzidas em contexto de formação. Incluídas na Selecção Caminhos, a principal secção competitiva do festival. A Última Árvore Analógica, de Jorge Pelicano e João Bérnard da Costa – Outros Amarão as Coisas que eu Amei, de Manuel Mozos foram também galardoados com, respectivamente, as distinções de Melhor Curta-Metragem e com o Prémio do Júri de Imprensa.

Ambas as sessões decorrem na Biblioteca Muncipal Gustavo Pinto Lopes.