Color_correction_system_Avi-Drome.jpg

A Imagem no Cinemalogia

O Curso Cinemalogia ‘da ideia ao filme’ irá abordar nos dias 1,2 e 3 de maio os dois últimos módulos técnicos, desta vez dedicados à imagem.

Começamos pelos processos de correcção de cor, com a orientação de Marco Amaral nos dias 1 e 2 de Maio, onde serão abordados os princípios da correcção de cor e as ferramentas disponíveis, além dos formatos e câmaras de vídeo digitais. Durante a formação de Colour Gradding, será dado o acompanhamento da correcção de cor do projecto “Nunca é Tarde”, filmado pelos alunos, sendo contraposto com exemplos de planos de filmes, já terminados, onde o formador colaborou.

Marco Amaral é um colorista baseado em Lisboa. Tem trabalhado principalmente em curtas e longas-metragens. Esteve envolvido em mais de 50 filmes de vários países, filmados em 16mm, 35mm e nos vários formatos de video,muitos deles selecionados para os maiores festivais por todo o mundo.

No Domingo, 3 de Maio, abordaremos os títulos de filmes. Os títulos em cinema são uma peça crucial à introdução de um filme, estabelecem o ambiente e funcionam como um prelúdio à experiência que se lhes segue. A criação de títulos põe em confronto dinâmicas processuais do cinema e do design gráfico. Torna-se então importante conhecer mais a fundo temas como a tipografia e os motion graphics, bem como perceber técnicas de trabalho típicas do design, que facilitem a criação de uma peça coerente com o filme que está em processo.

Este módulo propõe uma viagem pelos mais interessantes exemplos históricos de design de títulos e introduz as ferramentas teóricas e práticas para a elaboração de sequências de títulos originais.

Sílvio Teixeira nasceu em Trás-os-Montes, licenciou-se em Design pela Universidade de Aveiro (com passagem pela Università IUAV di Venezia) e fez o curso Profissional de Fotografia no IPF do Porto. De seguida foi viver e trabalhar para Amsterdão por 1 ano onde percebeu que Portugal era, afinal, um sítio bom para viver. Apesar disso, passou ainda pelo estúdio “Soon in Tokyo” em Barcelona, e mais tarde por Viena, colaborando com o designer Christof Nardin, por exemplo, no trailer do festival Vienna Design Week ’12.

Regressou há cerca de 2 anos para Portugal, vive em Lisboa e trabalha como freelancer, frequentemente para o Canal Q, Produções Fictícias e para o músico Moullinex, a par com outros projectos sortidos. Os projectos que realiza são por tendência multi-disciplinares, dentro das áreas de direcção de arte, design gráfico, interacção, video, fotografia ou cenografia.

Os seus projectos foram mencionados/publicados, entre outros, pelos sites: wired, motionographer, underconsideration, designobserver, booooooom, P3 e NME.

As inscrições para o módulo de Colour Grading estão lotadas. Para os restantes módulos poderá inscrever-se em www.caminhos.info/cinemalogia