20141119-fonfas123-7.jpg

“Famel Top Secret” divide opiniões nos Caminhos

A Selecção Caminhos do serão de terça feira ficou, mais uma vez, marcada pelas gargalhadas arrancadas à plateia

“Chico Malha” foi a primeira curta a “entrar em cena”. Realizada por Guilherme Gomes e Miguel Reis, o falso documentário retrata a vida de um jovem, inserido no meio rural, que se torna uma celebridade quando é descoberto como um excelente jogador de malha. Ao longo de 15 minutos, a vida de Chico sofre várias mudanças, entre as quais, uma queda acentuada no que toca à sua perícia na arte de malhar. Os realizadores afirmaram que o principal objetivo desta curta foi “recriar a ideia de celebridade” num contexto rural bem como enfatizar o exagero em contextos desportivos e contam com um elenco composto por Agostinho Magalhães, Cristovão Carvalheiro, David Pinto, entre outros.
“Uma Noite na Praia”, primeira experiência da atriz São José Correia no campo da realização, aborda a temática do sexo na meia idade e tenta incutir no espectador a ideia de que a idade não deve constituir um entrave à procura do prazer.

Trata-se de uma curta-metragem que surgiu de uma adaptação de um conto erótico de Vera Galpe e contou com a participação dos atores Vítor Norte e Lucinda Loureiro. “Não trabalhei no sentido do humor, trabalhei no sentido do drama”, confessa a realizadora. Além disso, reforça a carga erótica presente na obra que se pode resumir a “uma noite de amor, depois de uma festa”.

“Famel Top Secret”, sequela de “A Última Famel”, representa o fascínio de uma geração por uma marca de motos. Filmado, maioritariamente, em Águeda, este filme retrata a cobiça em torno da marca Famel, em que o protótipo de uma nova moto é roubado. Jorge Monte Real, realizador, contou com a participação de várias personalidades conhecidas pelo público português, tais como: Merche Romero, Paulo Futre, José Carlos Pereira ou Sara Norte. A longa-metragem estará, a partir de 14 de dezembro, em exibição nos Cinemas NOS, espalhados um pouco por todo o país.

Após as visualizações das três peças, O Humor no Cinema Português foi a principal premissa para a Master Session. A moderação esteve a cargo de Osvaldo Silvestre, docente da Faculdade de Letras da Universidade de Coimbra. Realizadores, convidados e público puderam debater de que forma o cinema português introduz o humor como característica das suas obras e fazer o balanço da forma como o espetador português se revê nas comédias nacionais.