Caminhos do Cinema Português

Bem Vindos

“O Cinema português nunca existiu” é o título de uma obra conhecida, chocante que desencadeia em nós a vontade de confrontar tal acepção. Ao longo dos últimos sete anos tive o prazer de verificar e denunciar que aquele juízo de valor está errado e longe da realidade. Se é verdade que a produção de cinema português foi e continua a ser parca, não é menos verdade que uma média de cinquenta filmes portugueses têm entrado em competição ano após ano no único festival de cinema nacional – os Caminhos do Cinema Português.

Nas últimas quinze edições este conseguiu afirmar-se ao nível local e nacional como um espaço de referência onde o público pode assistir à maior montra de filmes portugueses, nos diversos formatos, complementada por um vasto leque de actividades paralelas. Estamos orgulhosos de ter conseguido este reconhecimento e ter contribuído decisivamente para a deslocalização geográfica de que padecem a maioria dos eventos culturais, ao realizar no centro do país este evento singular.

Queremos continuar a contestar a estranha relação que se criou entre o público português e o seu cinema, da qual estamos todos cientes, reforçando o evento com as suas componentes de formação como é o caso dos Workshops, das sessões para crianças, no caso dos Caminhos Juniores, e continuar a apostar na exibição dos trabalhos resultantes das diversas Escolas de Cinema, no caso dos Ensaios Visuais. O Festival não poderá assentar somente nas sessões competitivas, mas tem que ser obrigatoriamente preenchido com estas actividades basilares. E à semelhança da produção, entendemos ser impossível descurar a promoção e exibição da nossa cinematografia.

Esperamos que as entidades locais, regionais e nacionais saibam acolher mais uma vez semelhante projecto e o ajudem a desaborchar. Sem dúvida que ele é merecedor de tal atitude. Por agora um até breve, pois começarão a sair mais novidades.